Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Miss Nothing

"I am different ... Equal to the rest of the world."

21
Jan16

Saldos que valem (MESMO) a pena.

Há uns tempos descobri umas botas que tinham tudo para me fazer feliz. Tudo. Menos o preço, esse, definitivamente, era para me esmagar o coração. Sobrevivi com a ideia de que eu não iria ter as botas porque, ainda que tivesse dinheiro para as levar, eu não daria vinte e cinco euros por elas. Nem pó.

Hoje fui dar um salto na Primark com a ideia de comprar um casaco. Se o comprei? Não, pois já não havia. Mas encontrei as tais botas e, BAM, estavam em saldos. De vinte e cinco passaram para doze euros: era o que estava apontado na etiqueta. Ia sair da loja sem casaco novo, mas poderia sair com botas novas. Meti-as no cesto e ainda dei uma volta pela loja, pegando e deixando artigos numa luta constante para me relembrar de que era para me centrar em coisas a sério, nada de batons ou colares que escassamente iria usar porque sim. Ou meias. Porque iria eu levar meias com tantas em casa? Por serem do Star Wars? Poderia ser, mas fui forte. Tão forte que resisti, inclusive, a umas pantufas do Rei Leão que diziam "Hakuna Matata" (O MEU LEMA!).

Fui para a caixa com apenas três artigos no meu saco: uma t-shirt, uma camisola e as botas. Já tinha feito as contas e sabia quanto iria pagar. Todavia, quando a funcionária que me atendeu me afirmou o total eu meti-me em sentido, sem fazer barulho. Oi? Quanto? Disse-me menos do que aquilo que eu tinha previsto. Não disse nada. A coisa é: vão cobrar mais? Refilas. Vão cobrar menos? Mantém-te calada, (a não ser, claro, que sejas super-super-super honesta ao ponto de nem quereres saber se vais pagar mais do que aquilo que te estão a dizer). Ficar calada foi o que eu fiz.

Paguei o que ela disse e quando saí da loja olhei para o talão conferindo o preço dos artigos. Foram as botas. As malditas, benditas, botas! O seu preço original era vinte e cinco euros. Com os saldos ficaram a doze euros. O que eu paguei? Seis euros. Paguei seis euros pelas botas: estavam com mais promoção do que pensava. Isto é que foi poupar! Não apaguem o fogo da minha euforia ao dizer que só pode ter defeito porque: conferi: não tem. Adoro que o meu sexto/sétimo/oitavo sentido funcione para estas coisas: ainda bem que não levei as botas quando as vi pela primeira vez: marcou a diferença de pagar seis euros por algo que antes custava vinte e cinco. Assim dá gosto fazer compras!

Mais sobre mim

foto do autor

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

E-mail