Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Miss Nothing

"I am different ... Equal to the rest of the world."

23
Dez15

Como assim: daqui a minutos é dia 24?

Sou uma desgraça autêntica quanto chega perto desta data. Eu sei que o tempo voa à velocidade da luz mas eu juro que só hoje de manhã assimilei que estamos em véspera de véspera de Natal. Apanhei um choque da minha vida, o que é, no mínimo, ridículo. Quer dizer: ontem eu sabia que era dia vinte e dois, mas a véspera de Natal parecia tão longe!

Segunda-feira vi a minha mãe a começar os preparativos para o jantar de dia vinte e quatro. Vi-a a cortar abóbora, a apontar o que ainda comprar e até a fazer já algumas coisas para a consoada. Pensei, juro, que se estivesse a adiantar para não tratar de tudo em cima da hora; pensei-o como se na altura ainda faltasse, tipo, semanas e não dois dias. Afinal era só eu com uma noção de tempo avariada. O tempo passou tão depressa e eu estive mais concentrada e ocupada a pensar no que oferecer do que no que gostaria de receber. Isto é tão esquisito. Passei o tempo todo a dizer não sei à famosa pergunta "o que queres para o Natal?" e deixei-me levar de tal maneira que o resultado está à vista. É a primeira vez que enfrento o Natal sem ter desejado nada. Isto não sou eu a ficar crescida porque só esse pensamento é uma piada, isto é só um erro de cálculo, de percurso; é mil elevado ao infinito de esquisito. Felizmente, sou uma pessoa fácil de contentar e também não acho que arranjar um presente para mim seja complicado. É só apostar numa aventura à loja da Disney; porque o que não falta lá são coisas que me deixam eufórica. A fnac também é uma boa alternativa. Livros, filmes, CDs...tudo coisas que eu gosto. Estive agora mesmo a dar uma vista de olhos pela secção de música da Fnac. Ultimamente, Frank Sinatra tem-me presa pelo coração. O CD que tenho no pc que passo horas a ouvir está a sete euros, mas encontrei um outro, de três CDs, que está a cinco. Já deve ser demasiado tarde para pedir o que seja mas que gostava de ter essa preciosidade, gostava!

Agora que estou consciente do dia de amanhã: venha a véspera de Natal que estou pronta! E muito obrigada, SIC pela programação que me irá fazer contribuir para as audiências do canal, a partir do momento em que acordar! É o único canal nacional que vai passar filmes de quarentena (amanhã e no próprio dia de Natal) sem descurar da atenção às crianças, o que acho realmente perfeito. Uma grande aposta nos filmes da Disney; há poucas coisas melhores que isto no Natal e eu não posso pedir mais ;-)

Mais sobre mim

Mensagens

E-mail