Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Miss Nothing

"I am different ... Equal to the rest of the world."

25
Ago17

A 200 km/h.

As vezes que eu já iniciei posts e estes acabam por ficar nos rascunhos, inacabados, contam-se pelos dedos da mão. O tempo não pára e quando dou por isso já está na altura de ir ajudar pessoas. E quando chegam as folgas? Não fico de rabo enfiado em casa, o que faz com que eu continue sem me agarrar ao tempo disponibilizado para fazer até uma das coisas mais fantásticas de sempre: nada. Desde as minhas folgas da semana passada o que é que já aconteceu? Fui a dois concertos, passei tempo de qualidade com a família, ajudei pessoas, fiz algumas compras, atirei-me a bebidas deliciosas (com e sem álcool), passear por Sintra e deixar mais um pouco do meu coração naquela vila. Amanhã? Recomeça tudo de novo com a diferença de ter conseguido uma abertura, hoje, para marcar o ponto na miss. Tenho passado os meus dias a 200km/h, a dormir pouco e a fazer mil e uma coisas. Bem se diz que se queremos: conseguimos fazer tudo.

IMG_4549.JPG

23
Abr16

Sintra.

Eu não percebi o quanto precisava de sair de casa até o fazer hoje à tarde. A minha mãe tinha de ir a um lugar e eu, só naquela, decidi ir com ela. Levei a máquina xpto atrás porque a família acabou por ir toda e a sugestão de um passeio foi feita entrelinhas. Sintra. Fomos parar a Sintra e eu entusiasmada. Já há muito que lá queria ir com a máquina nova e, socorro, bendito bom tempo porque, juro, eu estava mesmo-mesmo a precisar. O tempo que estive em casa estava a pôr-me em baixo e a denegrir a minha auto-estima por causa do trabalho do seminário. Sintra lavou-me a alma. Limitei-me à zona da vila mas soube-me a tudo. Eis alguns registos que fiz por lá. Mal posso esperar por voltar.

IMG_2438.JPG

SINTRA )
04
Abr15

Sintra (por telefone).

Eram vinte para as sete - de ontem -, quando a minha mãe me mandou uma mensagem a perguntar o que eu achava de um piquenique em Sintra para ocupar o nosso Sábado. Eu respondi-lhe por mensagem depois de ter guinchado quinhentos sims. Aceitar fazer um piquenique na serra de Sintra significa fotografias maravilhosas, uma caminhada de limpar o espírito e...não sei. Tem um je ne sais quoi purificador que eu adoro. É um dos sítios que eu adoro visitar nem que seja para comer um gelado - porque travesseiros não são comigo -. Não levei máquina fotográfica mas tive o telefone sempre à mão para alturas em que o sol espreitava por entre uns ramos e iluminava umas pedras e árvores, ou quando me deparava com fontes, perspectivas da vila ao longe, o Palácio da Pena no cimo...enfim, maravilhoso. Deixo um rebuçado do que não cheguei a pôr no instagram porque...olha, foi um dia bom. E o piquenique foi num parque lindinho que só Sintra tem.

 20150404_143133.jpg

 

Mais sobre mim

Mensagens

E-mail